CHEGAMOS A 1.000.000

CHEGAMOS A 1 MILHÃO DE ACESSOS. OBRIGADO;

quinta-feira, 25 de julho de 2019

Prefeito de Volta Grande diz que por ser ilegal não vai destinar recursos ao Hospital São Salvador.

O Ministério Público de Além Paraíba realizou uma reunião com os Prefeitos de Além Paraíba, Aventureiro e Volta Grande. Com base no número de atendimentos que o Hospital São Salvador presta a cidadãos de cada um dos Municípios ficou resolvido que cada Prefeito faria um convênio dando uma contra partida financeira ao Hospital, cujo o pronto socorro é uma fonte de enorme prejuízo para a instituição. De acordo com os cálculos, a Prefeitura de Volta Grande deveria contribuir com 5.000 Reais por mês garantindo assim o atendimento de seus cidadãos. O Prefeito do Município vizinho, conhecido por “Seu Jorge” (foto) se negou a participar do rateio. Dentre outras desculpas esfarrapadas que deu para não destinar o pequeno recurso mensal, o Prefeito primeiro afirmou que a ação deveria ser aprovada pelo Conselho Municipal de Saúde de Volta Grande e depois afirmou que o convênio era uma ilegalidade. Fica no ar a pergunta: O Ministério Público que promoveu tal acordo pratica ilegalidades? O Hospital São Salvador decidiu que só atenderá urgências de pacientes de Volta Grande. Pacientes  de Volta Grande que não estejam vivendo emergência médica serão encaminhados de volta ao Município de origem.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.